CONTATO AGORA

O QUE É PITIRÍASE CAPILAR, QUAIS SÃO OS TIPOS E QUAL SUA RELAÇÃO COM A QUEDA DE CABELO?

A Pitiríase, também conhecida como micose do couro cabeludo, é uma doença de pele que causa descamação, coceira e a queda intensa dos fios. Devido a todos estes fatores, atinge diretamente a autoestima de quem sofre com esta condição e com isso, é preciso procurar por ajuda médica para tratar de forma adequada.

É muito importante saber identificar corretamente os sintomas desta doença para conseguir evitar o seu agravamento, e fazer uso dos medicamentos apropriados para não correr o risco de serem confundidos com outras patologias semelhantes.

Neste artigo, você vai conhecer tudo sobre a pitiríase e como solucionar este problema que tem relação direta com a calvície. Confira!

Entenda o que é a Pitiríase Capilar

Na lista de doenças do couro cabeludo aparece a pitiríase, uma micose de origem fúngica. 

Esse tipo de infecção causa coceira e descamação, além de queda de  cabelo, afetando a autoestima de muitas pessoas.

Esta doença de pele provoca o aparecimento de manchas brancas, amarelas, acastanhadas e rosas. Ela possui três tipos e diversos sintomas que muitas vezes, são confundidos com outras doenças dermatológicas.

A boa notícia é que a pitiríase pode ser tratada facilmente com o auxílio de shampoos específicos para fungos e alguns outros cuidados especiais orientados pelo médico.

CONHEÇA OS SINTOMAS

Os sintomas podem variar muito de acordo com o tipo de pitiríase. Algumas pessoas não apresentam nenhum tipo de incômodo, mas podemos dizer que em geral, quem convive com essa enfermidade apresenta coceira no local que está sendo afetado, queda de cabelo e descamação. 

Vale ressaltar que inclusive o nome da doença “pityron” significa descamação em grego.

TIPOS DE PITIRÍASE CAPILAR

Existem três tipos de pitiríase e cada um deles apresenta tratamentos e sintomas específicos. São eles: Pitiríase Versicolor, Pitiríase Rósea de Gilbert e Pitiríase Alba. Somente após um diagnóstico preciso, que o médico irá identificá-los.

Acompanhe abaixo mais detalhes sobre cada um deles.

Pitiríase Versiculor

Este tipo de pitiríase é um tipo de infecção fúngica (micose) superficial, causada por um fungo chamado Malassezia furfur, que se manifesta na pele através de manchas amarelas e acastanhadas, recobertas por fina descamação.

A Malassezia atinge áreas do corpo com maior secreção de gorduras, como o rosto, couro cabeludo e tórax. 

Para tratar este tipo de pitiríase é recomendado passar por uma consulta médica para identificar a melhor medicação, e o tratamento leva entre 3 dias e 12 semanas. Contudo, o uso de hidratantes e protetores solares também auxiliam no tratamento. 

Vale ressaltar que este tipo de pitiríase versicolor não é uma doença contagiosa e que tende a piorar sob a ação do sol.

Pitiríase Rósea

A Pitiríase Rósea não afeta diretamente o couro cabeludo. Neste tipo, manchas aparecem em diversas partes do corpo, como barriga, costas e glúteos.

As erupções costumam aparecer neste caso de forma lenta e com o tempo, vai acontecendo uma variação de frequência. Primeiro percebe-se erupções em formato de medalhões que se espalham depois pelo corpo todo. 

Vale pontuar que a automedicação não é indicada pois pode retardar o efeito do tratamento ou dificultar a descoberta da causa da doença, podendo ser confundida com psoríase, sífilis e outras patologias.

Pitiríase Alba

A principal característica deste tipo de pitiríase são as manchas claras em tons brancos no couro cabeludo. Estas manchas não possuem formato definido e são descamativas.

Muitas vezes, estas erosões são confundidas com machucados e aparecem no couro cabeludo, rosto e membros superiores.

É importante pontuar que estas manchas podem aparecer em outras partes do corpo, onde uma maior exposição ao sol pode causar problemas no tratamento, aumentá-las e causar pequenos “buracos” no couro cabeludo, decorrentes de uma queda dos fios.

Banhos quentes, o uso de alguns produtos como sabonetes e alguns cremes podem aumentar o tempo de tratamento devido ao ressecamento que eles podem provocar.  

Hidratantes específicos, pomadas com corticoides e protetores de alto índice de proteção deverão ser indicados por um especialista.

Queda Capilar

Não tem quem não se preocupe e fique assustado ao receber um diagnóstico de queda capilar associado a alguma doença. 

Independente da causa, tirar todas as dúvidas com o seu médico é importantíssimo para que você se sinta mais seguro e para que ele possa indicar o melhor e mais específico tratamento.

Geralmente, sabonetes, hidratantes, loções e shampoos são os mais indicados, mas a inclusão de ativos especiais para combater os fungos é muito importante também, principalmente contendo em sua fórmula o sulfato de selênio, que ajuda a combatê-los.

O ideal é deixar a espuma em contato por minutos no couro cabeludo para o tratamento acontecer de forma efetiva.

É importante ressaltar que não há medicamentos específicos desenvolvidos para acabar com a pitiríase, mas hoje em dia existem inúmeros tratamentos para controlar a patologia.

Ajuda especializada

Após um diagnóstico de pitiríase é necessário procurar por uma clínica de confiança, com profissionais capacitados e uma estrutura adequada para tratar a doença.

Após o “susto” inicial ao receber a notícia, é hora de aprender a lidar com os sintomas e com ajuda médica, saber controlá-los. Tenha a certeza que desta forma, lidar com a sua saúde e sua autoestima será uma tarefa mais fácil, principalmente adotando hábitos positivos em sua rotina.

Agora que você já sabe o que é a pitiríase capilar e como ela age, em especial na queda dos cabelos, já sabe que o primeiro passo a ser dado é procurar profissionais qualificados e com experiência no assunto para te ajudar nesta jornada!

Saiba que nós, da Stanley’s Hair, podemos te ajudar!

Possuímos um atendimento personalizado, equipe médica com ampla experiência e sua primeira avaliação será GRATUITA!

Clique em nosso botão do Whatsapp que fica aqui na tela, e fale com um de nossos especialistas. Nosso time está pronto para te ajudar a dar início ao seu tratamento!

TRABALHE CONOSCO

Preencha abaixo com suas informações

Simulação de Financiamento