CONTATO AGORA

CABELO CAINDO MUITO: O QUE FAZER?

Já faz algum tempo que você começou a perceber que o seu cabelo está caindo e isso tem preocupado você? Então, antes de qualquer coisa, é importante saber que é normal alguns fios caírem naturalmente. 

Estima-se que uma pessoa perca até 100 fios de cabelo todos os dias. Isto se deve ao chamado ciclo capilar, que são as três fases pelas quais nosso cabelo passa: a fase anágena, a catágena e a telógena, indo do crescimento à estabilização e à queda.

Contudo, essa queixa sobre a queda capilar é um problema comum que atinge homens e mulheres. Mas se você está percebendo mais fios soltos pela casa, no ralo do banheiro ou mesmo uma diminuição do volume dos cabelos, é hora de procurar um especialista para descobrir as causas da queda e iniciar um tratamento adequado, caso seja necessário.

Essa disfunção capilar chamada de Alopecia, pode se apresentar sob diferentes formas e pode ser causada por diversos fatores também, como doenças autoimunes, predisposição genética, traumas, alterações psicológicas e deficiência de ferro no organismo, por exemplo.

É importante saber que é um problema que pode resultar na queda temporária ou permanente dos fios, e pode levar à perda total ou parcial do cabelo, dependendo do motivo. 

Tipos de queda de cabelo

O tipo mais comum de queda de cabelo é a Alopecia androgenética, mais conhecida como calvície. Ela é geneticamente determinada e ocorre devido à presença da enzima DHT no organismo. Entretanto, existem outros tipos de queda de cabelo que merecem atenção.

A alopecia areata, por exemplo, é uma doença autoimune que faz com que o cabelo caia em uma ou mais pequenas áreas, resultando em falhas circulares no couro cabeludo. Já a alopecia por tração é um tipo de queda que acontece quando os fios são presos de forma muito tracionada. Ela é resultante de uma lesão na haste do cabelo. 

Em contrapartida, existe a alopecia cicatricial, que é um tipo de queda que causa a perda definitiva do cabelo e que acontece em razão de doenças como lúpus e foliculite fúngica. 

E além dessas doenças pontuadas acima, ainda podemos citar o eflúvio telógeno, que é um tipo de queda de cabelo que acontece por causa de uma alteração no ciclo de vida dos fios, que faz com que uma parte maior do cabelo esteja em fase de queda. Essa é uma condição que se caracteriza pelo aumento da queda diária de fios e seu aumento é visto principalmente naquele bolo que cai no chuveiro ou fica na escova quando penteamos.

O que fazer quando perceber seu cabelo caindo muito?

O mais importante neste primeiro momento é entender o motivo dessa queda excessiva, pois só assim você poderá realizar o tratamento capilar mais adequado, com a ajuda de um especialista.

Após um diagnóstico preciso, será possível tratar a queda capilar com medicamentos tópicos, por via oral, ou através do Transplante Capilar nos casos em que a perda do cabelo esteja mais avançada ou que os fios não respondam ao tratamento clínico.

Portanto, lembre-se: Se a queda de cabelo for algo intenso, persistente e se você tem sofrido com esta condição ou conhece alguém que esteja passando por este incômodo, entre em contato com os nossos especialistas na Stanley’s Hair para realizar um tratamento correto e específico para o caso.Basta clicar no botão do nosso Whatsapp que fica bem aqui ao lado, que iremos te ajudar a resolver este problema!

TRABALHE CONOSCO

Preencha abaixo com suas informações

Simulação de Financiamento